31 de jul de 2016

Os mais legais de: JULHO


Dá pra acreditar que JÁ estamos em Julho? Todo mês que eu paro pra escrever esse post, começo a pensar em todas as coisas que eu fiz nesse mês e confesso que as vezes bate uma certa deprê. Vocês também são assim? hahaha

Como de costume, to aqui pra indicar as coisas mais legais que eu li ou assisti no mês. É um dos meus posts preferidos!!

Pergunte-me tudo (Ask me anything)




Sinopse: Katie Kampenfelt tira um ano de folga antes de entrar na universidade para tentar refletir e se encontrar. Logo, ela começa a registrar todas as suas aventuras e segredos em um blog anônimo. Porém, aos poucos, as coisas começam a fugir do controle e obscuros pedaços do seu passado emergem, atormentando sua vida.

O que eu achei: É um filme bem diferente do que a gente está acostumado a ver. Não é nada daqueles clássicos de adolescentes, mesmo se tratando de uma história que é completamente comum e normal no nosso mundo. As histórias são bem realistas e as questões também, passa de uma forma bem intensa tudo que um adolescente pode sentir, principalmente com a questão inicial, que é ser abusada sexualmente quando menor. Gostei bastante desse filme e uma das coisas que mais me chamou a atenção foi a atuação da Britt Robertson, a partir desse comecei a procurar vários filmes que ela participa e to amando vê-la!

Atenção! É um filme para maior de 16 anos.

Ashby





Sinopse: O desajeitado Ed Wallis (Nat Wolff), 17 anos, precisa de ajuda para achar o seu lugar no mundo e faz amizade com seu vizinho Ashby Holt (Mickey Rourke) em busca de ajuda. Porém, o que ele não sabia era que Ashby é um assassino  ex-agente da CIA. Com uma doença terminal, ele está tentando fazer as pazes antes de morrer com sua vida e com Deus, mas a nova amizade pode implicar em algumas mortes.

O que eu achei: É um filme com uma mensagem legal e com características bem divertidas. É meio clichê e você consegue saber o que vai acontecer no final do filme assim que você começa a assistir, então se você gosta de ficar bem curioso com os enredos, esse não é para você. Mas é uma história bem leve, engraçada, divertida e fofinha para passar o tempo. 

A duquesa




Sinpose: Georgiana Spencer (Keira Knightley) casou-se aos 18 anos com o Duque de Devonshire (Ralph Fiennes), que queria a todo custo ter um filho. Possuindo o título de Duquesa de Devonshire, logo Georgiana demonstrou sua inteligência e perspicácia perante a corte inglesa. Entretanto ela não conseguia dar ao duque um filho, com todas as suas tentativas de ficar grávida resultando em abortos ou em filhas. Isto faz com que o relacionamento entre eles se deteriore, pouco a pouco.

O que eu achei: Filmes como esse são muito importantes nos dias de hoje. A história é de uma mulher há séculos atrás, mas infelizmente milhares de mulheres ainda tem histórias como essas em pleno século XXI. É bizarro, para mim, como mulher, considerar as coisas desse tipo mesmo que naquela época, que dirá agora. O filme retrata um casamento de acordo, bem típico naquela época, mas a personagem principal já tinha em sua mente algumas coisas feministas que mechem com a trama toda. O marido que é permitido ter outros casos, outros filhos, a culpa por não gerar um filho homem e etc. Particularmente, eu adoro essa atriz e ela trabalha muito com filmes de época, como é o caso de Orgulho e preconceito, filme que eu amo também! E uma das coisas mais legais que é baseado em uma história real!
Acho que vale super a pena assistir e a sorte: está de graça no NOW.

O maior amor do mundo (Mother's day)




Sinopse: Nesta comédia romântica, várias histórias associadas à maternidade se cruzam: Sandy (Jennifer Aniston) é uma mãe solteira com dois filhos, Bradley (Jason Sudeikis) é um pai solteiro com uma filha adolescente, Jesse (Kate Hudson) tem uma história complicada com a sua mãe, Kristin (Britt Robertson) nunca conheceu a sua mãe biológica e Miranda (Julia Roberts) é uma escritora de sucesso que abre mão de ter filhos para se dedicar à carreira.

O que eu acho: Esse filme acabou de sair do cinema e só tem atrizes que eu admiro muito! É um daqueles filmes norte-americanos que contam várias histórias, relacionadas a um mesmo tema, com várias pessoas diferentes que se cruzam de certa forma. E o tema escolhido foi o dia das mães, as diferentes mães e as dificuldades de cada uma. É um filme meio clichê mas que eu acho super gostosinho de assistir. 
ps: sou fã demais da Kate Hudson, Julia Roberts e Jennifer Aniston. Que elenco!

Tem alguma sugestão de livro ou filme pra me indicar? Deixa aqui nos comentários!
Beijo, beijo!
0

0 comentários: